Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

A sua próxima corrida será na Praia da Bica. Você conhece?

Localizada no Jardim Guanabara, a Praia da Bica era um daqueles pontos cariocas que costumavam reunir os moradores não só da Ilha do Governador, mas também das regiões vizinhas, como a Baixada Fluminense. Mas o aumento da poluição da sua água e sua areia começou a afastar as pessoas em meados dos anos 90.
Hoje, felizmente, a realidade está mudando. Após a parceria entre a Prefeitura do Rio e o Governo do Estado, foi iniciado um grande trabalho de despoluição, que gerou uma considerável melhora na qualidade da água. Com isso, o antigo ponto de encontro está voltando a ganhar força. Antes dominada por lixo e línguas negras, o cenário do local agora já atrai esportistas, banhistas e animais aquáticos.

Mas por que o nome “Praia da Bica”? A história conta que a praia recebeu esse nome por causa de um chafariz colonial instalado numa pequena elevação que costumava servir de banho ao jovem príncipe D. Pedro, mais tarde D. Pedro I (1822-1831). Então, de carona com a história, esperamos que essa…

4 coisas que você precisa saber sobre a Rio 2016

O ponto de partida:
A escolha para que o Rio de Janeiro sediasse as Olimpíadas 2016 foi feita durante a 121ª Sessão do Comitê Olímpico Internacional (COI), que aconteceu em Copenhague, Dinamarca, em 2 de outubro de 2009. Esse marco histórico, que coloca a América do Sul pela primeira vez como sede, ocorrerá entre os dias 5 e 21 de agosto, com abertura e encerramento no Estádio do Maracanã. Serão disputadas 28 modalidades, totalizando 42 esportes, duas a mais em relação aos Jogos Olímpicos de Verão de 2012.
Rio 2016 em números:Você sabia que para os Jogos Olímpicos Rio 2016 acontecerem serão necessários: 11 milhões de refeições, 100 mil cadeiras, 25 mil bolas de tênis, 8.400 petecas, 72 mil mesas, 315 cavalos, 34 mil camas, 60 mil cabides, 45 mil voluntários, 85 mil terceirizados e 6.500 funcionários?
Em 17 dias serão disputadas 306 provas com medalhas, sendo 136 femininas, 161 masculinas e 9 mistas. Cerca de 10.500 atletas de 206 países participarão nos 32 locais de competição espalhados…

Turno influencia no desempenho?

Uma grande dúvida dos pais na hora da matrícula é com relação ao turno escolhido. Geralmente entram nos fatores de decisão, acessibilidade, trânsito, segurança, questões climáticas, conciliação com horário de trabalho dos responsáveis...enfim. Mas quase nunca o desempenho é incluído nessa discussão. No entanto, um estudo científico da escola de Harvard, nos Estados Unidos, inclui mais este item no processo decisório.
A pesquisa aponta que a produtividade é bem mais alta pela manhã. O documento mostra que a cada hora que passa a fadiga cognitiva vai aumentando e as notas tendem a ser 0,9% mais baixas.

E o que fazer o professor do turno da tarde?
O mesmo estudo aponta uma saída. As provas aplicadas fora do turno da manhã obtiveram melhores resultados quando feitas após meia hora de descanso. Esse crescimento chega a 1,7% no resultado.
Desta forma, o professor pode utilizar esse dado a seu favor. Antes de cada avaliação, ele pode realizar alguma atividade lúdica ou divertida e só depois come…

Médico dá dicas para adaptação ao fim do horário de verão

Depois de mais de 120 dias acordando uma hora mais cedo, neste domingo (21), milhares de pessoas das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, terão que atrasar os relógios em uma hora, e assim voltar ao período normal de sono. Algumas medidas podem ser adotadas para que as pessoas, que costumam sofrer com as alterações no horário, não sintam tanto os efeitos da mudança.
O médico endocrinologista da Appai, Nilmo Sabino, garante que por ser de apenas uma hora não há grandes problemas na readaptação ao horário normal. “O maior problema encontrado é no ritmo do sono porque a alternância claro/escuro mexe com nosso ritmo circadiano (período de 24 horas que se baseia o ciclo biológico), que é controlado pela exposição a luz. Dessa forma, como no horário de verão ainda acordamos no escuro essa adaptação tem que ocorrer quando ele termina”, explica.
Segundo o especialista, alguns estudos sugerem que o corpo demora entre 10 e 14 dias para se readaptar a nova rotina, mas ainda não há nada que comp…

Especial Olimpíadas - Nomes que se destacaram nos jogos

Uma das dinâmicas mais bacanas para trabalhar em sala de aula quando o assunto é Jogos Olímpicos é poder apresentar os protagonistas dessas proezas que levaram o Brasil ao reconhecimento mundial. Neste terceiro post da série vamos citar alguns deles e explicar por que cada atleta teve destaque nas competições.
1. Guilherme ParaenseFoi o primeiro atleta brasileiro a conquistar uma medalha de ouro olímpica, em 1920. Na ocasião, Paraense, do tiro, competia com um revólver emprestado da delegação americana, porque um vendaval encheu sua arma de areia e a estragou.
Outros nomes:
• Afrânio da Costa
Dário Barbosa

2. Maria LenkFoi a primeira mulher brasileira a participar de uma Olimpíada. Mais do que isso: foi a primeira atleta sul-americana na competição. Tinha apenas 17 anos e participou dos Jogos realizados em Los Angeles. Chegou às semifinais da natação, na modalidade 200m peito.


3. João do PuloJoão Carlos de Oliveira (João do Pulo) foi um dos grandes nomes do salto brasileiro. Nunca levou o …

Revista Appai Educar: As férias acabaram, e agora?

Durante o período de férias a criança tem uma grande liberdade para escolher as suas atividades. Ao voltar o ano letivo, muitas estranham a “obrigação” de realizar exercícios preestabelecidos. Mas como os educadores e os pais podem preparar o aluno para retomar a rotina? Em uma entrevista exclusiva, a pedagoga e professora da Universidade Estácio de Sá Denise Tinoco orienta pais e professores acerca do que pode ser feito para ajudar o aluno a se adaptar à volta às aulas. Confira essa e outras matérias na próxima edição daRevista Appai Educar.

PPAS: um dia mágico de incentivo à leitura

Fome de Leitura. E que fome! A garotada demonstrou não só apetite pelos lanches doados pela Appai como pelos livros espalhados por várias estantes. Até mesmo um mosaico gigante formado por mais de 10 mil obras materializou o idealizador da Ação da Cidadania, o sociólogo Herbert de Souza, no Centro Cultural da Ação da Cidadania, na Gamboa. A Appai e o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) apoiaram a iniciativa organizada pela Central de Assistência dos Advogados do Rio de Janeiro (Caarj).
O projeto ofereceu oficinas de arte, de música, com o grupo Vozes do Coração, e rodas de leitura com a presença de autores como Bia Bedran, Arnaldo Niskier e Míriam Leitão. E a Associação de Professores participou dessa confraternização levando uma tenda decorada, onde voluntários apresentaram às crianças e jovens brincadeiras antigas. Através dessas dinâmicas, o que não faltou foi interatividade.
De acordo com Marcello Oliveira, presidente da Caarj, a campanha superou todas as expectativas. “Nos m…

Especial Olimpíadas – Esportes

No segundo post da série, abordaremos os esportes disputados nas Olimpíadas. Um assunto de grande relevância, pois nem todos são conhecidos pelo povo brasileiro em geral. Os Jogos Olímpicos do Rio em 2016 contarão com o retorno do rugby masculino, modalidade que já integrou o programa Olímpico nos anos de 1900, 1908, 1920 e 1924. Na época o esporte era disputado com 15 jogadores e neste retorno serão apenas 7 atletas, em eventos masculino e feminino. Outra novidade para a edição dos Jogos em 2016 é que, pela primeira vez na história, vai ser realizado um torneio feminino de golfe. Ao todo serão disputados 42 esportes. Conheça cada um deles e as suas peculiaridades.
AtletismoBadmintonBasquetebolBoxeCanoagem SlalomCanoagem VelocidadeCiclismo BMXCiclismo de EstradaCiclismo de PistaCiclismo Mountain BikeEsgrimaFutebolGinástica ArtísticaGinástica de TrampolimGinástica RítmicaGolfeHandebolHipismo AdestramentoHipismo CCEHipismo SaltosHóquei sobre GramaJudôLevantamento de pesoLuta Estilo Livre

De onde surgiu a expressão escola de samba?

Por que os grupos culturais que têm como apoteose os desfiles durante o carnaval recebem o nome de Escola? Devido à estrutura dessas agremiações hoje em dia, muitos devem atribuir ao fato de a maioria desenvolver trabalhos sociais e estarem envolvidas na preservação de sua cultura entre os mais jovens.
Outros, menos engajados, já fazem associação com o local, que nesse caso, além dos desfiles, abrigaria uma espécie de escola de dança, como se para sambar bastasse apenas técnica, e não o dom. Abro um parêntese para dizer que, embora carioca da gema, não tenho nenhuma ginga e não vai ter escola que consiga me dar esse molejo carnavalesco. Ou seja, o samba pode aperfeiçoar, mas, sem vocação, não tem escola que dê jeito.
Pode-se especular também sobre as tentativas de legitimar esses grupos como propulsores da cultura popular brasileira, retirando-os assim da marginalidade, já que no início eram perseguidos pela polícia, presos e tinham seus instrumentos destruídos! Esse processo de legitim…

Repelente e Protetor Solar: seus aliados durante a atividade física

Com o surto de Dengue, Zika e Chikungunya (em outro post já explicamos a diferença. Leia aqui) que acomete o país, prevenir-se contra a picada do mosquito Aedes Aegypti é o primeiro passo para diminuir suas chances de infecção. Se você for participar de um de nossos eventos de corrida e esquecer o repelente, lembre-se que a Appai possui este material a sua disposição na tenda do Programa Saúde 10. Lá você também encontrará protetor solar. Afinal, mesmo nas primeiras horas da manhã já precisa estar protegido. Além disso, conversamos com um especialista que vai explicar a importância e a melhor forma de usá-los. Confira:

A primeira e mais frequente dúvida é em relação à eficácia do repelente no combate à dengue. De acordo com o médico endocrinologista da Appai, Nilmo Sabino, o uso do repelente é de extrema importância, pois afasta o mosquito transmissor Aedes aegypti e previne as doenças causadas por ele. Lembrando que a proteção não é total, já que, mesmo com seu uso, podem ocorrer pica…