Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2016

Appai e Morhan: juntos para eliminar a hanseníase

No último domingo do mês de janeiro comemora-se o Dia Mundial de Combate à Hanseníase, instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS). O objetivo é conscientizar a população e reafirmar o compromisso de luta contra a doença. Atualmente, o Brasil ocupa o primeiro lugar no ranking mundial de prevalência da hanseníase, e ainda registra cerca de 30 mil novos diagnósticos por ano, sendo o segundo em número absoluto de casos no mundo.

E você, sabe identificar os sintomas da hanseníase? A doença infecciosa é contagiosa e causa manchas esbranquiçadas, avermelhadas ou amarronzadas na pele com diminuição da sensibilidade ao calor, frio, dor ou toque. Também pode ocorrer sensação de formigamento, fisgadas ou dormência nas extremidades, surgimento de caroços e placas em qualquer local do corpo e diminuição da força muscular, quando a pessoa, por exemplo, pode ter dificuldade para segurar objetos. Causada pelo bacilo Mycobacterium leprae, a hanseníase não é hereditária e sua evolução depende de…

O mais novo cartão-postal do Rio

O Museu do Amanhã é o mais novo atrativo turístico da Cidade do Rio de Janeiro. A proposta da instituição é ser um museu de artes e ciências, além de contar com mostras que alertam sobre os perigos das mudanças climáticas e da degradação ambiental. O edifício conta com espinhas solares que se movem, projetadas para adaptar-se às mudanças das condições ambientais.
Projetado pelo arquiteto espanhol Santiago Calatrava, o museu foi erguido ao lado da Praça Mauá, na zona portuária, mais precisamente no Píer Mauá. O edifício foi inaugurado em 17 de dezembro de 2015 com a presença da presidenta Dilma Rousseff e recebeu cerca de 25 mil visitantes em seu primeiro final de semana de funcionamento.
O museu tem parcerias com importantes universidades brasileiras, instituições científicas globais e coleta de dados em tempo real sobre o clima e a população de agências espaciais e das Nações Unidas. A instituição também tem consultores de várias áreas, como astronautas, cientistas sociais e climatolog…

Não deixe de doar. Nunca se sabe quem vai precisar

O período em que mais se precisa de sangue nos hospitais é o de maior queda no número de doações. Férias, verão, proximidade com o carnaval são fatores que influenciam diretamente nessa redução. Por ironia, o Feriadão de Momo é a data em que os hospitais mais necessitam do precioso líquido. A grande quantidade de turistas, a movimentação nas estradas e o aumento da circulação urbana elevam diretamente a quantidade de acidentes.
Por isso, os centros especializados organizam plantões de coleta nesses dias que antecedem. A Appai estará com uma van no dia 2 de fevereiro para levar seus funcionários ao Hemorio. Nesta mesma data, a partir de 9 horas, o bloco “Vem doar pra mim” arrasta os foliões da Candelária até a sede do Hemorio, na Rua Frei Caneca, nº 8, Centro. O enredo é a solidariedade!
Outras entidades que também estão antecipando as coletas

Na Zona Sul:• Instituto Nacional de Cardiologia, na Rua das Laranjeiras, 374_____________________________________
Na Zona Norte:• Hospital Marcílio …

Em fevereiro, coloque cultura na sua folia – Passeio Cultural

Olá, associado, já está no ar o calendário do Passeio Cultural de fevereiro. Agora você já pode se programar para os seus próximos roteiros. Não deixe de conferir na página oficial do benefício a data de abertura das inscrições, o dia em que serão realizados e os horários da programação. Lembramos que todos os passeios estão sujeitos a alterações ou cancelamentos devido às condições do tempo e do clima. Em até 24 horas antes da realização do evento você receberá um SMS de confirmação.

Fique atento, pois a inscrição para o primeiro passeio no mês do carnaval já está aberta.

Brasil e Japão: a educação em sentidos opostos

Quem nunca viu a cena? Ponto de ônibus cheio de estudantes e os motoristas passando direto ignorando os sinais gestuais feitos da calçada. Por outro lado, quantos professores já não presenciaram alunos chegando atrasados por causa desse motivo? Que passageiro nunca constatou a nítida má vontade de alguns motoristas e cobradores, não raramente, acompanhada de piadinhas. Diga-se de passagem, esse fenômeno não acontece somente com o passe escolar, pois os idosos também sofrem discriminação semelhante. Essas cenas fazem parte do cotidiano das grandes cidades brasileiras, apesar de a “gratuidade” estudantil ser paga às empresas pelos governos estaduais e municipais.
O contraponto vem do outro lado do mundo. O Japão mantém há três anos uma estação de trem que deveria ter sido desativada somente para garantir a ida para a escola de uma única aluna! Esse argumento foi o suficiente para que a Japan Railway adiasse até a formatura da estudante a desativação do terminal que dá prejuízo operaciona…

Descubra o charme e a história do Rio Antigo correndo

Arcos da Lapa no final da década de 50. Reparem o vão entre os arcos, que atualmente não existe mais
Conhecido como berço da boemia carioca, os Arcos da Lapa também são famosos internacionalmente pela arquitetura. Construídos para funcionar como aqueduto nos tempos do Brasil colonial, atualmente servem como via para os bondinhos que sobem o morro de Santa Teresa.
O Aqueduto da Carioca (ou Arcos da Lapa) é considerado a obra arquitetônica de maior importância do Rio Antigo e um dos principais símbolos da cidade. A construção em estilo romano tem 17,6 metros de altura, 270 de extensão e 42 arcos que ligam o bairro de Santa Teresa ao Morro de Santo Antônio.
Construído em 1723, no período do Brasil colonial, os arcos tinham como objetivo conduzir a água do rio Carioca da altura do Morro do Desterro, atual bairro de Santa Teresa, para o Morro de Santo Antônio. A obra ajudaria a resolver o problema da falta de água na então capital do país. Os estudos para trazer as águas do rio Carioca para a…

Quem dança seus males espanta

Se você não gosta de academias e não tem paciência para salas de musculação, aprender a dançar pode ser uma boa alternativa para trabalhar o corpo e ao mesmo tempo relaxar. Estilos como Zouk, Tango e Dança do Ventre já viraram mania em vários lugares do mundo exatamente por permitir o gasto de muitas calorias de forma bem divertida.
Alunos frequentes de dança de salão costumam apresentar mudanças significativas de comportamento: menos timidez, mais confiança, mais vontade de encontrar os amigos e de sair. E o melhor, eles encontram o equilíbrio emocional tão importante para manter o peso e fator decisivo para conquistar um corpo mais saudável.
É claro que existe o preconceito de que dança de salão é “para os mais velhos”, da mesma forma que alguns ritmos, como o bolero, são chamados de “careta”, mas ao frequentar os polos de dança esse conceito muda rapidamente. Vemos pessoas de todas as idades em busca de bem-estar e do estímulo em aprender algo novo. Mesmo que no começo pareça difícil…

Libras: Educação Inclusiva

A Libras (Língua Brasileira de Sinais) é um dialeto natural, criado para promover a inclusão social de deficientes auditivos. Ele possui uma estrutura gramatical própria com aspectos semânticos, sintáticos, morfológicos etc. O que o difere dos outros usados atualmente é que, em vez do som, utilizam-se os gestos como forma de comunicação. Movimentos específicos realizados com as mãos e combinações corporais e faciais se tornam marcas registradas deste idioma.
O ensino de Libras nas universidades brasileiras é uma vitória dos deficientes auditivos, pois, uma vez presente na grade curricular, gera mudanças sociais, não só por sua aplicação nas instituições de ensino, mas pela importância da aceitação e compreensão por parte dos alunos e, principalmente, pela inclusão social. Dessa forma, pode-se concluir que a utilização da linguagem brasileira de sinais deve ser cada vez mais popularizada e incentivada, como também na sociedade em geral, colaborando para a melhoria da qualidade de vida.
A…

Reforma Ortográfica – Agora é para valer

Esse ano letivo não vai ser igual àquele que passou... Professores e alunos voltam às salas de aula, em fevereiro, já regidos exclusivamente pelas normas padronizadas do Acordo Ortográfico entre os países de Língua Portuguesa, que passou a vigorar oficialmente no dia 1º de janeiro.
Mudanças essas que, diga-se de passagem, não são tão novas assim. Foram seis anos de transição em que conviveram as duas formas: a antiga e a atual. Só que com a virada do calendário de 2015 para 2016 o formato anterior, que era até então tolerado, passou a ser considerado automaticamente errado.
Justiça seja feita, os profissionais de ensino foram os primeiros a aderir ao novo acordo. Afinal, nenhuma categoria trabalha mais a língua do que o professor. Além de ter a autocobrança de se expressar com o português correto, ainda tem a missão de repassar esses conhecimentos aos alunos. Isso sem falar na responsabilidade da correção e desconto de notas de provas e trabalhos que não estejam dentro do formato exigid…

O que é a Base Nacional Curricular?

Para os críticos, uma medida centralizadora, autoritária, castradora da liberdade de ensino e da autonomia do professor. Para os defensores, uma forma de garantir uma coerência e frear o mercantilismo do chamado “ensino de resultado imediato”, mais voltados para desempenhos em ações como Enad, Enem, vestibulares e concursos públicos em detrimento da formação do cidadão. Para o Ministério da Educação, “uma oportunidade de estabelecer conhecimentos e habilidades essenciais que todos os estudantes brasileiros devem aprender em sua trajetória na educação básica, desde a educação infantil até o ensino médio”.
Independente das versões defendidas por cada cidadão, a verdade é que servirá de norte para os professores em sala de aula e consequentemente para a formação dos alunos e do futuro mercado de trabalho. Por isso, não se pode fugir à discussão. E todos podem participar através do envio de sugestões.

Recorde
Antes mesmo de ser batido o martelo e entrar em vigor, a BNC já é recordista. Desde…